terça-feira, 11 de agosto de 2009

Oi, mundo

E eu fui ver Tela Quente. É. Quando até a internet começa a ficar cansativa, o sono não vem, os livros não interessam muito... Não lembro o nome do filme, mas era sobre colégio bacana, aqueles que têm armários *sonho*, time de basquete, líderes de torcida e a atriz principal sempre é loira e magrinha, o mais engraçado é que todos esses filmes são alguma história sobre ser-você-mesmo. Tá, mentira. É o que eles tentam passar, mas quando o filme acaba você fica insatisfeito com a sua vida, acha que é muito parada, quer emagrecer, quer fazer chapinha, quer ter amigos descolados, quer paquerar o garoto popular da escola, quer probleminhas em família, porque tudo isso parece ser glamuroso.
Há um tempo atrás eu me achava feia pra caramba (ainda acho, mas isso é uma questão de eu comigo e...) porque tenho os lábios meio grossos e ficava estranho quando eu fazia biquinho nas fotos. E não gostava das minhas pernas, porque são branquelas, aí me envergonhava quando ia de shorts pra escola, MAS EU PRECISAVA IR DE SHORTS PRA ESCOLA. Garotas populares usam short curto colado marcando a bunda, e eu tinha que ser uma delas, daí ir ao clube ir ficar horas embaixo do sol pra pegar aquele bronzeado maroto (tentativas frustradas), eu tinha que fazer muita amizade, eu tinha que ir ao shopping com a galere no final de semana e a-ha-zar. Saber as 10 coisas que o Orlando Bloom mais gosta em uma mulher era essencial, as blusinhas que são tendência no verão deviam estar no meu guarda-roupa.
Mas eu não tive nada disso e fiquei infeliz... Até perceber que definitivamente não nasci pra fazer biquinho em foto, então tanto faz o tamanho da boca, não tô aqui pra tirar foto com mãozinha no joelho, não mesmo.
Não sou uma delas.

9 comentários:

OL disse...

Adorei, é isso aí, truta!

6ui disse...

ótimo! sou muito mais você.

Lucas. disse...

SAY NO TO COCOTAGE (Y) HDIUASHDAISUHDAS

Lina. disse...

Não é mesmo, você é melhor (y)

=**

x

P.S.: Esqueci a senha do login do meu outro blog. VIVA EU! HUAHUHAHUAH

Flávia disse...

"Ouvi esses dias a música do Raul “A maçã”. Lá ele diz “pois quem gosta de maçã irá gostar de todas, porque todas são iguais”. Sim, todas iguais; tirando aquelas impossíveis de serem comidas por algum motivo, à primeira vista todas são iguais."

---
Fodam-se as Cheerleaders que casam depois de transar com todo o time da escola, engravidam e choram em cima de seus "Livro do Ano" pelo corpo que não têm mais, pelo cabelo que não é mais tão bonito, pelo tudo que eram e pelo nada que se tornaram. Raulzito tinha razão.

Michele disse...

caralho. vc me faz falar palavrão ._.

Leane disse...

NÃO SOU UMA DELAS.
Nem eu. [2]

Adorei!

milki disse...

fiquei tão orgulhosa de ti lendo isso, tô comentando só pra registrar a minha admiração.

Michele disse...

esse texto é tão tão tão bom!