domingo, 14 de dezembro de 2008

OK.

Acho que as coisas estão finalmente começando a mudar. Ou é só impressão minha. Acho que é a segunda opção a certa. Quem eu quero enganar com isso tudo? Eu mesma, apenas. Porque no fim disso tudo, quem vai se dar mal sou eu, a única pessoa idiota na história sou eu. Sei que não posso mudar nada de uma hora pra outra, não posso fingir nada, nem iludir ninguém e mesmo assim o faço, na cara de pau, como se fosse bonito... Porque no fundo, eu quero muito que as coisas mudem, mudar o que eu sinto, principalmente. Queria poder controlar isso, queria isso mais do que qualquer outra coisa no mundo agora, queria poder dizer que tenho a solução ou que ela está próxima, mas quando eu fecho os olhos percebo que isto está longe, muito longe de acabar e que a única pessoa que pode dar fim nisso tudo sou eu mas me falta coragem, porque eu tenho certeza de que vou me arrepender, que quando aparecer o "the end", o máximo que eu vou poder fazer é reprisar tudo, mas não poder mudar nada, porque já tá gravado, porque quando eu podia, eu não mudei. 

Como se escrever isso fosse mudar algo... Sou eu, tentando enganar de novo.

B.: eu tenho medo de ser enganada 
izzie: eu me engano o tempo todo.

Um comentário:

understandingnothing disse...

engraçado, um pouco de voltas.
mas enfim, algumas verdades e vejo algumas mentiras.
ps. adoro a imagem do seu orkut.